Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]

O Ouriço

MENU

Quem é o Piegas agora?

Artur de Oliveira 22 Fev 16

10710958_10205668008279321_1206929580347047303_n.j

Passos Coelho luta desesperadamente pela sua sobrevivência política e agora, até admite que ele e a Troika talvez possam ter exagerado um bocadinho e chega ao ponto de se colocar na posição antiga de Costa, ao dizer que o actual PM tem um governo do "quero, posso e mando" (colagem notória á retórica comunista) e que, pasme-se, o PS ajoelha-se perante a Europa (não foi exactamente o que os pafianos fizeram durante 4 anos?) Estes soundbites atabalhoados denunciam claro desespero, pois no PSD há quem já esteja a afiar os machados. Ou será que Passos Coelho tem ciúmes de António Costa (goste-se ou não, ele é matreiro e sabe o que faz) andar a fazer a corte á anafada valquíria de Berlim?

Fontes da imagem: Tugaleaks e Facebook

Autoria e outros dados (tags, etc)

images.jpg

As redes sociais, para bem ou para o mal são uma extensão da cidadania e da livre opinião. Logo, quem são os partidos para se imiscuirem na vida dos cidadãos e para influenciar as opiniões das pessoas? Já não bastam os comentadores políticos televisivos (um até chegou a presidente do regime vigente), agora temos que levar com cybermercenários a soldo dos grandes partidos, suas clientelas, amigos e parceiros? Uma coisa é certa, esta república feudalista teme pela sobrevivência, logo tudo faz para a sobrevivência da zombie obesa de boina frígia, nem que recorra ao cyberbullying. O vídeo que se segue mostra a realidade nada virtual em que (sobre)vivemos.

Autoria e outros dados (tags, etc)

transferir.jpg

Finalmente acabou o impasse sobre o OE 2016. António Costa cedeu a Bruxelas na meta do défice e ainda prometeu a Angela Merkel ajuda na problemática dos "refugiados". Costa já se sente vitorioso e pensa que os seus bluffs e jogadas arriscadas irão levá-lo ao topo do Olimpo. No entanto, o OE foi aprovado com reservas e nada garante que não haja um orçamento rectificativo daqui a uns meses, sendo que Marcelo irá estar de olho em tudo... Certo mesmo é que este governo está a ser vigiado pelo Bloco de Esquerda que já tomou uma posição sobre o OE revisto, acordado e corrigido com Bruxelas e não gostou muito da coisa. Costa e sus muchachos dependem mais das amazonas do BE do que de um PCP cada vez mais fossilizado. Se Costa não seguir os parâmetros do BE, cedo ou tarde, lá vai o governo abaixo e se o actual PM se se recandidatasse, dificilmente teria o apoio do seu partido e muito menos da extrema esquerda. E quem lucraria com isto? O BE, que está cada vez mais a crescer e está a querer passar aos cidadãos que é um partido da sociedade civil e um dia irá reclamar para si mesmo o papel de paladino da causa dos cidadãos (sendo na verdadade um partido radical de esquerda com tradição albanesa) e um dia irá virar-se contra o PS e acusá-lo de ser igual ao PSD. É bom que não nos iludamos com os falsos profetas da cidadania latentes e emergentes... Uma coisa é certa, o grande centrão está a definhar e quando vejo a atitude do Bloco de Esquerda em relação ao governo socialista, lembro-me logo daquela cena do Alien em que um tripulante da nave Nostromo incuba um embrião dos bicharocos e morre quando o bichinho cresce, saindo do ventre dele.

Autoria e outros dados (tags, etc)

E os jobs for the boys continuam

Artur de Oliveira 29 Jan 16

Assim continua a velha tradição da III República praticada há 40 anos por PS, PSD e CDS... Este é apenas um exemplo, infelizmente recente. Serves o líder e os barões do teu partido? Toma lá cargo. Mérito? Que é isso?

ig-cov.jpg

Autoria e outros dados (tags, etc)

A Geringonça Presidencial

Artur de Oliveira 24 Jan 16

Nóvoa.jpg

Fonte: Facebook

Autoria e outros dados (tags, etc)

A tragédia greco- mundial

Artur de Oliveira 16 Jul 15

A actual situação na Grécia abriu um precedente que poderá ser igual ao que foi iniciado com o assassinato do Arquiduque Francisco Fernando, que originou o I Genocídio Mundial e a sua sequela inevitável. Só que aí matou-se um representante de um povo, agora mata-se um povo aos poucos com balas em forma de €. A situação pode parecer mais leve a certos eurocratas e sponsors oligárquicos, mas não nos esqueçamos que esse território faz fronteira física com a Turquia e de influência com a Russia e daí advirão consequências imprevisíveis. A ganância faz destas coisas, cega. E não me refiro somente ao Sr. Ministro das Finanças germânico, mas á república grega que sempre isentou os armadores e outras elites de impostos e pô-se a jeito. Pobre povo grego, pobre Europa. As sociedades civis europeias que ajam com inteligência e formem movimentos e partidos cidadãos ou que tentem influenciar as suas multinacionais de esquerda e direita (aparentemente tão diferentes e tão iguais na hora do vamos ver) para a cidadania e não para a oligarquia, exigindo justiça social e criminal, pois a corrupção é quem mais ordena essa pode talvez originar um Genocídio III, porque a alternativa aos neoliberais de (esquerda e direita convencionais) e aos cidadãos unidos são as extremas direitas e extremas esquerdas e o resto já se sabe. Vamos reabrir os livros de história?

11201186_989431504423624_3363940881530253760_n.jpg

Autoria e outros dados (tags, etc)

Primeiro foi Passos Coelho a dizer que foi uma ideia dele que ajudou ao acordo envenenado com a Grécia, agora é o PS a dizer que António Costa convenceu os líderes socialistas europeus a facilitar o acordo com a Grécia. O PSD e o PS devem pensar que nós, cidadãos acreditamos em histórias da carochinha. Na verdade são eles que parecem crianças a disputar um pião num mundo de faz de conta bem como disputar a atenção da professora alemã

ng1454592_435x210.png

Autoria e outros dados (tags, etc)

Curto-circuito no Tribunal Constitucional?

Artur de Oliveira 23 Out 14

9712.jpg

Recentemente Aguiar Branco procurou reunir num encontro o PSD e o PS (Marcelo, Galamba, etc.), o residente da república buscou um consenso do Bloco Central, e António Costa falou com o partido "Livre". Será que estamos perante consenso, paz e harmonia nos partidos? Talvez, mas consta-se que o que o Centrão de Baixo quer é ter uma maioria superior a 2/3 na Assembleia da República para alterar Leis e até a Constituição ao seu bel-prazer e em nome de interesses dos baronatos e clientelas, já que o Tribunal Constitucional tem sido uma força que contraria este tipo de demandas. É possível que esteja em causa um curto-circuito no TC. É hora das forças vivas da cidadania estarem alerta, unirem-se e acima de tudo agir.

Autoria e outros dados (tags, etc)

Pesquisar

Pesquisar no Blog

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

subscrever feeds