Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]

O Ouriço

MENU

Alentejo vivo!

Mendo Henriques 9 Ago 12

"As estatuetas de marfim descobertas no Alentejo têm 4500 anos e cabem na palma da mão e têm pormenores delicados que surpreendem" afirma António Valera, o arqueólogo que dirige as escavações na Herdade dos Perdigões, em Reguengos de Monsaraz.

O Público diz o resto. A importância do território vem ao de cima com esta descoberta espetacular. As populações locais são sempre as mais indicadas para encontrar respostas aos desafios da sobrevivência.

Autoria e outros dados (tags, etc)

Pesquisar

Pesquisar no Blog

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

subscrever feeds