Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]

O Ouriço

MENU

O Filme dos Portugueses no Facebook

Artur de Oliveira 6 Fev 14

A República da Portutroika com as suas medidas extremas de austeridade sob o diktat dos funcionários da Troika, que nada mais são do que os mensageiros de Angela Merkel e os Príncipes das Finanças, conduziu-nos ao filme de terror hoje vivido por (quase) todos nós. Já que está na moda fazer-se vídeos dos facebooks de cada português com historiais individuais, aqui está um excelente vídeo com a história facebookiana colectiva dos portugueses nos últimos anos da autoria de João Pico.

 

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

O que será do Miró? II

Artur de Oliveira 5 Fev 14

 

Quem era gestor de topo do BPN, tinha amor á camisola (designed by Miró)...

 

 

Fonte: facebook

Autoria e outros dados (tags, etc)

O que será do Miró?

Artur de Oliveira 5 Fev 14

 

Um Miró para mim, um Miró para ti e outro para quem apanhar...

Autoria e outros dados (tags, etc)

E agora, Portutroika?

Artur de Oliveira 20 Dez 13

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Com a patroa da UE a exigir de Portugal um plano B para Passos Coelho após o chumbo do TC , resta ao Governo ter coragem e ir buscar dinheiro não aos cidadãos através do IVA a 25% como se suspeita, mas cortando a fundo na despesa do Estado. Que tal cortar de vez com as subvenções aos ex-presidentes da república, eliminar a eito fundações, observatórios, entre outras instituições sanguessugas, cortar com a despesa faraónica do Palácio de Belém e desparasitar a administração pública de boys & girls? É que a sociedade civil não vai admitir ser tratada como o povo foi na época do feudalismo, tendo em conta que o Executivo gastou milhares de euros para a venda do BPN ao BIC e o estranho resgate do BANIF. É hora de PSD, CDS e o PS se unirem para reformar de vez o Estado em vez andarem a brincar aos neoliberais e aos arautos das abriladas e amanhãs que cantam após a "vitória do TC". Mas isso será pedir muito aos partidos do Centrão de Baixo em que os Jotinhas é quem mais ordenam. Cavaco? Quem é o Cavaco? 

 

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

Subvenções: Os 400 da III República

Artur de Oliveira 11 Out 13

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Ao contrário do que diz Ângelo Correia (num claro recado ao seu aprendiz que é o actual PM numa agenda bem conveniente porque neste fim de semana é que se discute em Conselho de Ministros os cortes das subvenções),  não é demagogia cortar as subvenções vitalícias aos cerca de 400 políticos e ex-políticos, por razões muito simples:

1- O dinheiro não lhes vai fazer falta pois já conseguiram muitos negócios que lhes permitem viver desafogadamente, independentemente da forma como os conseguiram.

2- porque não é justo cortarem pensões a idosos, subsídios de desemprego, pensões de viuvez e sobrevivência e uma carga fiscal elevada sobre a classe média que já está demasiado comprimida (e até deprimida) com muitas famílias a passar fome e no desemprego e deixarem que os senhores políticos não contribuam para tirar o país da crise.

3- Alguns dos 400 subvencionados são suspeitos de estar envolvidos em escândalos de corrupção (como o fax de Macau, BPN, entre outros) e só isso devia merecer por parte dos mesmo s uma atitude de contrição e todos deviam apoiar estes cortes, nem que seja por um mínimo de ética perante o sofrimento da sociedade civil fustigada pela austeridade.

4- É um custo anual de 10,6 milhões e quando os subvencionados chegam aos 60 anos de idade, o custo individual duplica.

 

Haveriam mais razões, mas o vídeo que se segue revela quem são os 400 subvencionados e os seus percursos, o que dará margem a conclusões bastante óbvias...  

 

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

BPN nunca mais II

Artur de Oliveira 6 Fev 13

A história da mega-fraude do BPN que custou caro a todos nós... O BPN foi o banco por excelência da III Republica e do PSD.
O PS de José Sócrates, ao nacionalizá-lo, socializou as perdas e privatizou os lucros.

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

BPN nunca mais

Artur de Oliveira 4 Jan 13

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Para que o caso BPN não se volte a repetir convém nunca esquecer o que se passou, ainda por cima quando aparentemente o governo está em vias de nacionalizar o BANIF.

 

 É bom que tenhamos todos (governantes, partidos, sociedade civil) em conta que os maus exemplos por vezes são bons para não voltarem á vida noutros moldes. 

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

Banif: o BPN Madeirense?

Artur de Oliveira 6 Set 12

 

 

 

 

 

 

 

 

 

O Banif alegadamente concedeu empréstimos á Fundação Social Democrata, o Partido Social Democrata, Jaime Ramos e Companhia, Lda. O não retorno destes empréstimos aparentemente bloqueou a capacidade do banco investir nos seus negócios, o que fez com que centenas de trabalhadores do novo Hotel Savoy fossem despedidos e com um futuro incerto. Num país minimamente civilizado haveriam prisões, mas a injustiça perdurará enquanto as oligarquias políticas e financeiras da III República estiverem de mãos dadas e a sociedade civil permitir estes abusos.

 

 

 

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

A III República sacrifica o povo português

Artur de Oliveira 30 Ago 12











 A Monarquia democrática constitucional, para além de resolver muitas matérias constitucionais, teria  a virtude de acabar este semi-presidencialismo da III República, que não serve o Povo, nem Portugal, mas os barões dos partidos do Centrão de Baixo e os lobbies e clientelas que com eles compactuam. A emigração de portugueses para fora do nosso país está prestes a chegar aos números da década de 1960 e com um governo que nos manda emigrar, pior ainda. Os políticos deviam ser responsabilizados pela gestão danosa que fazem e por sacrificarem os portugueses não dando o exemplo, insistindo em cortar na receita em vez despesa. É um regime que não demonstra a mínima sensibilidade pelo seu povo e território e arroga-se no direito de exigir austeridade, cobrando aos cidadãos os erros que os políticos cometeram e resgatar BPN´s e suportar PPP´s mal geridas. Está na hora da república ir embora para nunca mais voltar. 










 











Autoria e outros dados (tags, etc)

Pesquisar

Pesquisar no Blog

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

subscrever feeds