Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]

O Ouriço

MENU

Coitadinho do Marinho

Artur de Oliveira 17 Set 14

 

Tal como o mítico Alien, Marinho Pinto foi hospedeiro de um corpo chamado MPT. Quando deixou de ser útil, Marinho e Pinto decidiu tentar fazer a sua ninhada em corpo novo. Pensa-se num nome tão original como Partido Democrático Republcano (pensará ele que é o novo Afonso Costa?).  Agora utilizando a metodologia utilizada antes por Cavaco Silva e a ministra das finanças, queixa-se que ganha mal para cativar os cidadãos e dizer que é um de Nós. Se antes as pessoas não cairam nesse truque do coitadinho, agora muito menos, amtes pelo contrário consideram com o seu bom senso que essas declarações são um insulto e que estão a ser tomadas como néscias. Marinho e Pinto é uma fórmula esgotada e aparentemente a única salvação para ele é aliar-se ao PS caso Seguro ganhe a Costa, visto ter acusado o edil de Lisboa de ter provocado a crise no partido rosa (e com razão). Esperemos que o actual Secretário Geral do PS ignore o Alien, a bem de uma democracia e uma política mais salutar em que se dispensam pseudo-políticos que nasceram em programas matinais a dizer o que os velhinhos gostam de ouvir. Para isso teríamos certos taxistas ou motoristas de autocarro que provavelmente fariam melhor figura que Marinho Pinto seja em que parlamento fôr. O facto é que pelo menos na política nacional hà já uma lufada de ar fresco de e para Nós, Cidadãos. Aproveitemos.

Autoria e outros dados (tags, etc)

Chefia de Estado sem dignidade

Artur de Oliveira 19 Jun 14




























Desde que assumiu a Chefia de Estado, no primeiro mandato, Cavaco Silva sempre optou por não comentar a vida política, escudando-se na independência do Presidente da República. Ora tal cargo supostamente tinha que ser acompanhado de dignidade em termos de representatividade dos cidadãos. O silêncio pode ser bom para certas situações, mas quando o país entra numa crise por gestão danosa e posteriormente os partidos do arco do governo integram uma Troika que impõe juros usurários e são sempre os mesmos que pagam e não há uma palavra de ânimo para os portugueses e se segue uma agenda cúmplice embora subreptícia com o partido maioritário do governo, em que impõe consensos e não impõe diálogo, algo está mal no reino da senhora dos peitos desnudos. Como pode um Chefe de estado permitir que se acabem com dois feriados como o 1 de Dezembro e 5 de Outubro e nada dizer? Claro que o General Garcia dos Santos ficou irritado e se demitiu do Conselho das Ordens Nacionais. Garcia dos Santos fez o que fez com razão, pois ele lutou mais pelo país do que a maioria dos Chefes de Estado que se seguiram a Ramalho Eanes pela democracia. Naturalmente que não pode vêr Cavaco nem pintado. Nem nós, cidadãos. Está na hora de um impeachment, porque quem não serve o país, não serve para nada. Um Chefe de Estado representa o povo e a sua ideologia deve ser Portugal e não a ideologia e a economia de certos interesses. Os tabus e os silêncios são uma forma chica-esperta de tentar iludir as pessoas, mas se há coisa que os portugueses aprenderam com esta crise, foi a ser mais críticos com quem lhes governa e preside.

Autoria e outros dados (tags, etc)

Cavaco e a China

Artur de Oliveira 18 Mai 14

Autoria e outros dados (tags, etc)

O que será do Miró? II

Artur de Oliveira 5 Fev 14

 

Quem era gestor de topo do BPN, tinha amor á camisola (designed by Miró)...

 

 

Fonte: facebook

Autoria e outros dados (tags, etc)

E agora, Portutroika?

Artur de Oliveira 20 Dez 13

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Com a patroa da UE a exigir de Portugal um plano B para Passos Coelho após o chumbo do TC , resta ao Governo ter coragem e ir buscar dinheiro não aos cidadãos através do IVA a 25% como se suspeita, mas cortando a fundo na despesa do Estado. Que tal cortar de vez com as subvenções aos ex-presidentes da república, eliminar a eito fundações, observatórios, entre outras instituições sanguessugas, cortar com a despesa faraónica do Palácio de Belém e desparasitar a administração pública de boys & girls? É que a sociedade civil não vai admitir ser tratada como o povo foi na época do feudalismo, tendo em conta que o Executivo gastou milhares de euros para a venda do BPN ao BIC e o estranho resgate do BANIF. É hora de PSD, CDS e o PS se unirem para reformar de vez o Estado em vez andarem a brincar aos neoliberais e aos arautos das abriladas e amanhãs que cantam após a "vitória do TC". Mas isso será pedir muito aos partidos do Centrão de Baixo em que os Jotinhas é quem mais ordenam. Cavaco? Quem é o Cavaco? 

 

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

Sexta-feira 13

Pedro Baptista-Bastos 13 Dez 13

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Neste dia deve-se saltar da cama, trabalhar, comer, sorrir para as meninas, marcar engates, beber a bica, dar uns traques na rua de surra, dizer baboseiras aos colegas de trabalho, insultar equipas rivais, ouvir rock'n'roll, jogar no euromilhões, rir muito com as outras pessoas, marcar engates, pôr óculos escuros, beber vinho, espancar pessoas, marcar engates, afirmar ideias técnicas no jargão profissional no modo mais confuso possível, pagar o dízimo, marcar engates, olhar ao espelho e dar graças por não sermos parecidos com o Cavaco, marcar engates, (esqueci-me das chaves do carro), marcar engates, e _____________(preencha o que quiser, para lhe dar sorte).

Autoria e outros dados (tags, etc)

A diferença entre bombeiros e políticos

Artur de Oliveira 26 Ago 13

 

A partir do momento em que a página do facebook da presidência da república considera que António Borges deve ser homenageado (não pondo isso em causa, apesar de não ser fã do senhor) e os bombeiros falecidos no combate ás chamas que devoram o interior do país são totalmente ignorados,  isso diz tudo sobre a nossa classe política. 

Autoria e outros dados (tags, etc)

Pesquisar

Pesquisar no Blog

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

subscrever feeds