Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]

O Ouriço

MENU

A Dama de Ferro

Faust Von Goethe 16 Fev 12

"

Numa passagem do filme "A Dama de Ferro", a velha Margaret Thatcher queixa-se de que, hoje em dia, todos falam de sentimentos. Que os políticos sentem muitas coisas. Ela prefere ideias. Quer saber o que eles pensam, não o que sentem. Não sei se este diálogo com o seu médico nos quer transmitir a frieza e a dureza de Thatcher. É provável. Porque é evidente que a autora deste filme não compreendeu o sentido profundo desta queixa. Esta obra de Phyllida Lloyd é um bom retrato da indigência piegas que Thatcher lamenta.

"

 

Daniel Oliveira em Arrastão.

Autoria e outros dados (tags, etc)

Pesquisar

Pesquisar no Blog

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

subscrever feeds